Pobre de Marré Marré

16 de fevereiro de 2014
Nando Pax

Morei por alguns meses na Reserva Ecológica Vale do Bugio e nesse lugar maravilhoso tive a inspiração para criar a base desse som. No começo saiu apenas a frase “Pobre de marré marré, todo mundo é”.

Passaram alguns meses e não pude ignorar os comentários nas redes sociais, sobre um rapaz que havia sido acorrentado no poste. Em uma conversa com o Bruno Bock, ele me pediu para escrever alguma coisa sobre o tema e aquela base, veio bem a calhar.

Sou um admirador da Raquel Sherazard pelo teor realista de suas opiniões, que vai além do seu papel como jornalista, porém nesta ocasião ela foi infeliz e recomendou que “adotássemos um bandido”. Meio reacionário, não?

Escute no soundcloud:

Letra
Pobre de marré marré, humano ele é
Pobre de marré marré, justiça ele quer

Preto rico, Branco Pobre
A desigualdade na cidade explode
Justiceiros fortemente armados
Criminosos acima do estado
Usar a força, contra o mais fraco
Não é justiça, está errado

Bandido que julga ladrão
Injusta solução
Quem faz justiça com as próprias mãos
Piora a situação
Não Não Não

E a repórter reaça
Acha lindo e faz graça
Imagina na copa
Um estádio, menos mil escolas
O Porto em Cuba, a grana nossa!
O Pão e circo ainda é moda

Pobre de marré marré, humano ele é
Pobre de marré marré, justiça ele quer

Menor de idade foi condenado
sem direito a defesa, marginalizado
Por quinze motos foi cercado
Como um animal no poste acorrentado,
A cidadania foi aniquilada
A violência não resolve nada

Não adote um bandido não
Dê a ele uma lição
O verdadeiro cidadão
precisa só de educação
Seria tão bom

E a repórter reaça
Acha lindo e faz graça
Imagina na copa
Um estádio, menos mil escolas
O Porto em Cuba, a grana nossa!
O Pão e circo ainda é moda


Ficha Técnica
ISRC: BR-PDZ-14-00002

Letra, violão, Voz, produção, mixagem e Masterização por Nando Pax
Guitarra Solo por Samuel Costa
Contra-baixo por Peter Carcavalho
Back-vocal por Lucidéli Barbosa
Produção Executiva por Produlz.com

Deixe uma resposta

Required fields are marked *